(Peeling Vegetables – Daniel Ridgway Knight)
.
.
.
QUEM VOCÊ É?
(André L. Soares)
.
Que mulher amável e incrível é essa
que mesmo longe pode tocar meu coração,
que pode me reconstruir os mil pedaços,
que pode costurar-me o peito de modo indolor?

.

Quem é a mulher cuja fala não tem pressa,

que traz sempre em sua palavra a mansidão,
que faz da própria voz uma fábrica de abraços,
que num dia triste desenha a mais sublime flor?

.

Que mulher é você… vem, confia e confessa

que sua tarefa aqui é promover ampla união,
que à dor você vive a perseguir-lhe os passos
e que ao mundo você veio apenas por amor!
.
.
.
Anúncios