(Metamorphosis – Laverne Ross)

.
.
.

DESPEDIDA
(André L. Soares)
.
Após a despedida
– partida fugidia –,…
na tua ida
fiquei infeliz.
Mas te amava
tanto
que, para resolver
esse interno
colóquio,
a parte de ti
que ainda
havia em mim
batizei-a
de ‘amor-próprio’
e nunca mais
te esqueci.
.
.
.
Anúncios