(‘Vase with Calla Lilies’ – Tamara de Lempicka)

.
.

.
O SEGUNDO MANDAMENTO
(André L. Soares)
.
Se alguém de mau-humor, mal encarado,
de mal com a vida e mal amado,
por acaso, logo cedo, lhe virar a cara,…
declare guerra e o fulmine com sorrisos,
lance-lhe beijos, dê-lhe um bom dia
e encha de alegria esse infeliz,
pois é só mais um a afogar-se na tristeza.

Afie a língua como se a língua fosse faca
e desfira a esse alguém uma frase abençoada,
uma oração, uma louvação e lance a praga:
– Que o seu dia seja completo de felicidades!
– Que sua vida seja só sucesso e nada mais!
– Que a má-sorte esqueça que você existe!
– Em todas as noites, sem exceção, durma em paz!

Sufoque-o com um caloroso abraço,
abra o coração e ali o faça prisioneiro;
ouça atento tudo que vier em desabafo;
sem dó, cegue-o com o brilho de seus olhos;
seja calor capaz de reverter um inverno
e, se ainda assim, esse alguém mostrar-se bruto
é porque o amor dedicado ainda está pouco.

Mas você terá dado um passo importante
na direção de um mundo inédito,
onde o crédito é renovado ao devedor
e o amor-ao-próximo valerá mais que diamante.
Mas, cuidado! Fique atento aos gestos seus:
talvez você tenha ultrapassado o limite humano
e, bem provável, esteja se tornando… um Deus.
.
.
.
Anúncios