.
.
.
PARTE DE MIM
(Rita Costa – 24.10.05 – Rio de Janeiro/RJ)

Há essa parte de mim
Que não é meio-tom
Essa parte que tem pressa
Que é mar embriagante
Que é fogo incandescente
Quando descortina a noite.
Que nela nada teme
Que dela se apodera
Devorando sentimentos
Com ferocidade nas palavras
Violando qualquer regra
De forma passional
Há essa parte de mim
Que é ser incontrolável
Que é alma incapturável.
.
.
.

Anúncios